terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

Habacuque - Cap. 2 e Cap. 3

Capítulo 2. 
O PROFETA VIGIA E ESPERA

Habacuque foi para sua torre de vigia para orar, meditar e esperar no Senhor, em vez de se tornar ateu ou agnóstico. Ele sabia que Deus ouvira sua queixa e logo responderia a ele. O Senhor respondeu: “[Eu tenho um plano que] ainda está para cumprir-se no tempo determinado, mas se apressa para o fim e não falhará; se tardar espera-o, porque, certamente, virá, não tardará” (v. 3). A seguir,  o Senhor deu três garantias magníficas a Habacuque a fim de encorajá-lo e fortalecê-lo naqueles dias difíceis.

              A.    “O JUSTO VIVERÁ PELA SUA FÉ” (v. 4)
Esse é um dos versículos mais importantes de toda a Bíblia. Ele fundamenta o texto de três livros do Novo testamento: Romanos 1.17 – com ênfase em o justo; Gálatas 3.11 – com ênfase em viverá; e Hebreus 10.38 – com ênfase em pela fé. O v. 4 descreve dois tipos de pessoas: o soberbo, porque crê em si mesmo, e o que é salvo e é humilde porque crê no Senhor. Em Lucas 18.9-14, veja o fariseu e o publicano. Os caldeus eram orgulhosos por causa de suas vitórias e não percebiam que era o Senhor que os capacitava para vencer.

             B.    “A TERRA SE ENCHERÁ DO CONHECIMENTO DA GLÓRIA DO SENHOR” (v. 14)
Com certeza, época de Habacuque, assim como hoje, a terra não está muito cheia de glória. Observe os cinco “ais” desse capítulo  e verá os pecados que Deus odeia: ganância e cobiça desenfreada (vv. 5-11); matar para obter ganho (v. 12); bebedeira (vv. 15-16) e idolatria (v. 19). Esses são exatamente os pecados que maculam as nações hoje. E o Senhor odeia esses pecados hoje da mesma forma que os odiava na época de Habacuque. Contudo, permanece ainda a promessa de que, um dia, a glória do Senhor encherá a terra, pois Jesus Cristo retornará, derrubará todo pecado e estabelecerá seu reino de justiça.

              C.     “O SENHOR, PORÉM, ESTÁ NO SEU SANTO TEMPLO” (v.20)
Deus ainda está no trono (Is. 6). Não precisamos reclamar nem duvidar, pois ele governa e domina os assuntos das nações. Habacuque achava que o Senhor não estava interessado nos problemas da vida, mas descobriu que o Senhor estava muito preocupado e trabalhava para alcançar seu propósito, em seu próprio tempo. Por isso, o justo vive pela fé. “Visto que andamos por fé e não por vista, ou pelo que vemos” (2 Cor 5.7; 4.18). Se olharmos para nós mesmos, ou para as circunstâncias, ficaremos desencorajados e desejaremos desistir, mas se , pela fé, levantarmos o olhar para o Senhor e para o glorioso retorno de Cristo no futuro, então nos sentiremos encorajados e capacitados para prosseguir em vitória.


Capítulo 3. 
A ADORAÇÃO DO PROFETA

                Habacuque é um homem transformado! Agora, ele louva o Senhor, em vez de reclamar. Deus transformará o suspiro em cântico, se nós (como Habacuque) reservamos um tempo para esperar diante dele em oração e ouvirmos a sua Palavra.

                Primeiro, o profeta ora (v. 2). Em relação ao texto de 1.5, o profeta diz: “Tenho ouvido, ó Senhor, as tuas declarações”, ou seja, ele sabe que o Senhor está trabalhando neste mundo. “Aviva a tua obra, ó Senhor, no decorrer dos anos e, no decurso dos anos, faze-a conhecida.” Aqui, a palavra “aviva” não tem nada que ver com as “reuniões de avivamento” modernas. Habacuque apenas pede que o Senhor continue seu trabalho. Ele sabe que haverá ira e julgamento, mas pede que o Senhor também se lembre da misericórdia.

                 A seguir, o profeta medita (vv. 3-16). Ele revê a história de Israel e as obras magníficas do Senhor. Parece que essa descrição poética do imenso poder de Deus não segue qualquer padrão especial nem abrange todos os eventos principais da história judaica. No entanto, Habacuque sabe que o Senhor operou no passado e, por isso, pode confiar em que ele trabalha no presente e o fará no futuro. A terra treme diante do Senhor – como também tremeriam os caldeus. “O Senhor é homem de guerra” (Êx 15.3). Israel é seu povo. Ele cuidaria dele.

                 altaneiramente.” Isso deve significar muito mais para nós. Habacuque olhou através da névoa e da bruma e maravilhou-se com o plano de Deus, e em Cristo nós conhecemos o plano do Senhor para esta era (Ef. 1.8-10, e cap. 3). Nós temos a Bíblia inteira para estudar, e Habacuque não a tinha. Nós temos o registro da vida, morte, ressurreição e ascensão de Jesus Cristo, como também a promessa de seu retorno. Se alguém deve caminhar pela fé e regozijar-se no Senhor, esse alguém é a Igreja Cristã de hoje. Todavia, com muita freqüência duvidamos, reclamamos, passamos à frente do Senhor e até criticamos o que ele está fazendo.
Por fim, o profeta louva o Senhor (vv. 17-19). Esses versículos representam uma das maiores confissões de fé que encontramos na Bíblia. “Ainda que a figueira não floresça, nem haja fruto na vide; o produto da oliveira minta, e os campos não produzam mantimentos; as ovelhas sejam arrebatadas do aprisco, e nos currais não haja gado, todavia, eu me alegro no Senhor”. Essa é a versão do Antigo Testamento de Filipenses 4.11-13. Habacuque sabia que ele mesmo não tinha força, mas que Deus lhe daria a força necessária para passar pelas provações que tinha à frente. “O Senhor faz os meus pés como os da corça, e me faz andar

                    Habacuque mostra-nos como lidar com os problemas da vida: (1) admiti-los com honestidade; (2) conversar com o Senhor a respeito deles; (3) esperar calmamente diante dele em oração e meditar a respeito da Palavra; (4) escutar e obedecer quando ele falar. Nunca fuja das dificuldades da vida, porque Deus quer usar essas dificuldades para fortalecer sua fé. “Nunca duvides às escuras do que ouviu em plena luz”. O JUSTO VIVERÁ DA FÉ.

4 comentários:

  1. Olá chamo-me Antonio Batalha. Vim conhecer seu blog, dar-lhe os parabéns. Pois é muito bom, e gostaria de lhe deixar um convite: Ficava muito grato se fizesse parte dos meus amigos virtuais na Verdade que Liberta. Obrigado e um bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  2. Nobre irmão em Cristo, Pr. Gualter Guedes:
    Paz seja consigo.
    Passando por aqui, encontrei esta grande e rica pérola preciosa - a reflexão em forma de comentário expositivo com caráter de aplicação em Hc 2 e 3.

    Significativamente um excelente trabalho de texto. Deus seja louvado na sua preciosa vida.
    Estimo-lhe muita saúde e continuadas vitórias por meio de Cristo Jesus. Bons ventos, mares tranquilos e águas claras, visto que sempre restará muito o que fazer nesta grande e imensa vinha.

    Abraço fraternal com graça e paz do Senhor Jesus Cristo.
    Em Cristo,
    PbGS - glaukosantos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Olá meu Amigo.. Pr. Gualter...

    Estive aqui lendo, olhando... e me alimentando com uma Boa Palavra..
    A Palavra alentadora esta de Habacuque...
    Muito boa... que o Senhor continue te usando como sempre...

    Um Abraço.... e até mais ver!

    ResponderExcluir
  4. Passei e encontrei seu blog, li algumas coisas, seu blog é muito bom, quero deixar um incentivo: Continue a deixar-se guiar pela grande vontade de Deus, continue a ouvir a voz do Espírito Santo, e a escrever o que você sabe que é a vontade de Deus, tanto para ganhar outros para Jesus, quer incentivar nossos amigos a ficarem mais perto do nosso Deus. Deixo também um convite, mas é apenas se o quiser fazer, pertencer aos meus amigos no Peregrino E Servo, claro que irei retribuir.Um obrigado,e muita paz de Jesus.

    ResponderExcluir